14/07 — Bacurau (Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles, 2019) e A quinta estação, de N.K. Jemisin.

Com Helena Silvestre, Mayara Barbosa e mediação de Marina Gouvêa

Começar pelo fim, colapso, catástrofe, extermínio, morte, canções, fome, psicotrópicos fortes, olho no olho, comunidade, respira, ressaca, justiça. Nesse encontro, Helena Silvestre (Amazonas)…


23/06 — A chegada (Denis Villeneuve, 2016) e Os despossuídos, de Ursula K. Le Guin.

Com Cecilia Farias, Sabrina Fernandes e mediação de Isa Souza.

Utopia, distopia, coletivo, indivíduo, espaço, tempo, comum, propriedade, ida, volta, silêncio, palavra, tese, antítese, você, eu. Nesse encontro, Cecilia Farias (Punhos Podcast, Babel Podcast…


16/06 — Ela (Spike Jonze, 2013) e Estação Perdido, de China Miéville.

Com Isabel Wittmann, Vic Vieira e mediação de Aline Valek.

Amor entre espécies, ciborgues, inteligência artificial, monstruosidades, violência de gênero, corpos, exploração, alteridade. Nesse encontro, Isabel Wittmann (Feito por elas) e Vic Vieira (Vicverso) conversam sobre o…


09/06 — Branco sai, preto fica (Adirley Queirós, 2014) e A parábola do semeador, de Octavia Butler.

Com Anne Quiangala, Camilla Dias e mediação de Ana Meira.

Violência, poder, transformação, viagem no tempo, sensibilidade, crise ambiental, racismo, caos, fé. Nesse encontro, Anne Quiangala (Preta, Nerd & Burning Hell) e…


O último encontro do curso se propõe a discutir os desdobramentos estético-políticos do afrofuturismo, sobretudo a partir do campo audiovisual. Serão apresentadas as origens do conceito nos anos 1990 (relacionada às mudanças na tecnocultura global) e as suas definições contemporâneas (marcada pela presença feminina negra e por uma politização mais…


O terceiro encontro do curso abordará a produção da ficção científica nas primeiras décadas do século atual. Temas como a preocupação ecológica e estéticas híbridas se fazem mais presentes, a exemplo de movimentos como solarpunk e new weird — esse último abraçado por Jeff VanderMeer e China Miéville. A autoria…


O segundo encontro do curso Histórias e teorias possíveis das ficções científicas tratará do século XX. Se o século XIX guarda as origens do pensamento de ficção científica, é no século XX que este modo literário floresce. Ao longo de décadas, a ficção científica passa de narrativa pulp para leitores…


Na aula de abertura do curso Histórias e teorias possíveis das ficções científicas, serão discutidas diversas formas de definir e narrar as histórias do gênero, identificando pontos de origem possíveis na Antiguidade, na Revolução copernicana e no longo século XIX. Viagens no tempo e no espaço, sociedades alternativas, vidas extraterrestres…


09/06 — Branco sai, preto fica (Adirley Queirós, 2014) e A parábola do semeador, de Octavia Butler.

Com Anne Quiangala, Camilla Dias e mediação de Ana Meira.

Violência, poder, transformação, viagem no tempo, sensibilidade, crise ambiental, racismo, caos, fé. Nesse encontro, Anne Quiangala (Preta, Nerd & Burning Hell) e Camilla…


São muitas as formas possíveis de se pensar as histórias das ficções científicas, a depender da maneira como definimos o gênero artístico e do ponto em que identificamos sua origem. A depender de quem e de como conta a história. Com a apresentação de Ana Rüsche, Cláudia Fusco, Kênia Freitas

ENCONTROS PARA TRANSFORMAR O FIM DO MUNDO

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store